Aquicultura

Tilápia Nilótica: Primeiro Peixe Cultivado a Ter o Genoma Sequênciado

Usando DNA de uma linhagem de tilápia desenvolvida na Escócia, cientistas sequenciaram o genoma completo da Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). Esta é a primeira espécie comercial de peixes cultivados a ter seu genoma sequenciado.

Tilápia Nilótica Criada em Raceways em Paulo Afonso, Bahia, Brasil

O sequenciamento foi realizado pelo Instituto Broad de Cambridge, Massachusetts, que faz parte do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e da Universidade de Harvard.

Esta raça de Tilápia sequenciada foi desenvolvido para ter duas cópias idênticas de cada parte do seu genoma, o que simplificou em muito o tratamento dos dados da sequência do genoma.

Os cientistas que desenvolveram a sequência também realizaram investigações para o desenvolvimento de outras raças de tilápia, como a produção de tilápia vermelha, e de populações quase 100% machos para controle de reprodução em viveiros de cultivo antes da colheita.

A sequência e os dados associados estão agora disponíveis para a comunidade científica mundial, e deverá contribuir para avanços significativos na produção de Tilápia aquabusiness e aquicultura em geral.

Por exemplo, isto deve ajudar todos nós que trabalhamos em seleção genética a encontrar genes importantes que afetam características como resistência a doenças, taxas de crescimento e determinação do sexo, permitindo a seleção precisa e orientada para melhorar o desempenho da aquicultura.

Na realidade, a sequência do genoma da tilápia vai acelerar a identificação de genes subjacentes com características economicamente importantes na Tilápia, por meio da análises de expressão gênica.

Esta informação pode ser rapidamente incorporada nos programas de reprodução seletiva por meio da seleção assistida por marcadores moleculares (genéticos) como acontece com outras especies como o gado de corte e leiteiro.

A sequência do genoma da Tilápia permite agora uma melhor caracterização da diversidade genética das populações selvagens e facilitará a incorporação racional dessa diversidade em populações comerciais.

Todos nós que trabalhamos com melhoramento genético saudamos este marco histórico do cultivo da Tilápia. Temos agora um instrumento valiosíssimo que entre muitas outras coisas, vai ajudar-nos no manejo, seleção e melhoramento de reprodutores com alto potencial genético. Um novo capítulo e universo de possibilidades se abrem para a Tilapicultura.

Comments are closed.