SQLSystems

Energia Renovável: Israel Vai Produzir 2.8 GW até 2020

Israel Entra Firme na Corrida por Energia Renovável

Energia Renovável: Usina CSP com Torre em Formato de Tulipa em Israel

Energia Renovável: Usina CSP com Torre em Formato de Tulipa em Israel (clique para ampliar)

Com mais de 300 dias de sol brilhante e ventos fortes, Isreal é o local praticamente perfeito para desenvolver fontes alternativas de energia renovável como energia solar e eólica.

Deste modo, o gabinete do governos de Israel deu sinal verde a um arrojado plano de metas que estabelece que o país deve gerar 10% da eletricidade consumida no país vindo de fontes de energia renovável até 2020.

Para um país das dimensões do estado de Israel, plano como este é um passo importante para colocar a nação Judia ao mesmo nível de outros países desenvolvido em energia renovável.

O plano nacional estabelece uma meta capacidade de 2.76GW de fontes vinda de energia renovável até o final da década para atingir a quota de 10%, conforme comunicado liberado pelo website do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

O plano será dividado em fases. Uma meta provisória de pouco menos de 1.6GW até o final de 2014 é definido como uma primeira etapa até atingir o estabelecido de energia renovável para 2020.

Entre agora e 2014, o governo vai estimular a implantação de 460 MW geradas por usinas de energia solar térmica concentrada em larga escala; 110 MW fotovoltaica em telhados; 800 MW de energia eólica; e cerca de 210 MW a partir do biogás e cogeração.

“O objetivo do plano é reduzir as emissões de gases poluentes no ar pela indústria de eletricidade, como também assegurar a longo prazo fontes de energia renovável para Israel,” segundo declaração do Primeiro-Ministro.

O plano prove também a desenvolvimento inicial de 50 MW de capacidade para os empreendedores nacionais usarem como testes e usinas pilotos o que vai seguramente ativar a bem conhecida capacidade inovadoras entre israelenses na concepção de sistemas de tecnologia de ponta.

O plano de energia renovável também aloca 10 milhões de shekels (USD $ 2.9 milhões de dólares) à unidades de pesquisas aplicadas objetivando o desenvolvimento de instalações modelos.

Israel tem cerca de 45 MW de capacidade instalada energia solar fotovoltaica conectada a rede de distribuição e é visto como um terreno fértil para usinas de energia solar térmica concentrada (CSP).

Energia Renovável: Vista Aérea do Kibutz Samar. Ao Fundo Direito (Seta) a Usina Solar-aerial-view-Israel

Energia Renovável: Vista Aérea do Kibutz Samar. Ao Fundo Direito (Seta) a Usina Solar-aerial-view-Israel (clique para ampliar – fonte: AORA)

Cientistas israelenses têm desenvolvido sistemas CSP bem avançados de energia renovável. Eles desenvolveram a primeira usina híbrida (solar/diesel/biocombustíveis) de energia solar concentrada em todo mundo.

Entre estes sistemas está uma usina piloto perto de Eilat, cuja torre concentradora tem um distintivo formato de tulipa e em 2009 tornou-se a primeira usina CSP a ser licenciada para conectar à rede de distribuição do país.

A torre solar CSP da empresa AORA em forma de tulipa foi erguida no deserto de Arava no sul de Israel. Baseada na tecnologia desenvolvida no Instituto de Ciência Weizmann, combinado com o design inspirador de Arquitetos Haim Dotan Ltd.

A torre de 30m de altura fica ao lado de um campo de espelhos (heliostatos) de 0,5 acre  (2.000m²) de terras no Kibutz Samar, perto de Eilat .

A unidade forma um único módulo de potência, capaz de gerar 100 kW de energia elétrica, além de 170kW de potência térmica.

Com relação a energia renovável vindo de fontes eólicas, as Colinas de Golã (Golan Heights) é considerado o local que oferece o melhor potenciai para o desenvolvimento de energia renovável de fonte eólica em Israel.

Em setembro do ano passado o ministro Netanyahu aprovou planos para um parque eólico de 155 MW na região que faz fronteira com a Síria.

Comments are closed.