Biogás

Usinas de Biogás: Cada Vez Mais Indústrias Alimentícias Estão Instalando Usinas Renováveis para Produzir Biogás

Usinas de Biogás – Cada vez mais indústrias de alimentos estão instalando unidades de digestão anaeróbia em grande escala reciclando resíduos orgânicos para produzir sustentavelmente energia renovável em forma de biogás, calor e biofertilizante de alta qualidade.

Nesta corrida por sustentabilidade, recentemente uma empresa inglesa, Shropshire Energy, anunciou a entrada em funcionamento de usinas de biogás que permitem a geração de 2.4MW de eletricidade renovável, calor para as operações da fábrica e produção de fertilizante orgânico.

Um  projeto desta escala torna-se referência e demonstra como independência energética e sustentabilidade ambiental podem ser alcançadas plenamente pela indústria de alimentos.

O sistema de digestão anaeróbia produzirá quase 20.000 MWh de eletricidade renovável e 22.000 MWh de calor renovável anualmente – suficiente gerar energia e prover o calor para toda a empresa que que produz 120 toneladas cogumelo por semana. 

Usinas de Biogás da Shropshire Energy (Fonte: SE Energy)

Usinas de Biogás da Shropshire Energy (Fonte: SE Energy)

Além de abastecer suas próprias necessidades, a usina de biogás vai exportar (vender) um adicional 8.700 MWh de eletricidade renovável para a rede de energia da cidade para satisfazer as necessidades de mais de 4.000 casas.

O processo de digestão anaeróbia também criará um fertilizante de alta qualidade que será usado para suportar o crescimento da agricultura e produtores locais.

A unidade de digestão anaeróbia, localizada perto de Littleport, Ely, converterá em calor e energia renovável mais de 20.000 toneladas por ano de resíduos de vegetais da indústria incluindo restos de batatas, cebolas, beterrabas e rabanetes, bem como 36.500 toneladas por ano de silagem de milho.

Os resíduos vegetais juntamente com o milho alimentam grandes digestores anaeróbicos totalmente seladas e biodegradado na ausência de oxigênio através de um processo de decomposição natural.

O grandes benefício de projetos como estes, é tornar as indústrias cade vez mais economicamente competitivas, bem como sustentáveis adicionando qualidade e custos competitivos aos produtos manufaturados.

Esta mesma tecnologia de usinas de biogás pode ser usada por redes de supermercados na reciclagem de tudo que se perde na venda a varejo. Levando-se em consideração que ao redor de 30% de frutas e verduras ou mais é desperdiçado, a transformação disto em energia renovável, calor e biofertilizante fazem toda diferença sustentável.

Comments are closed.